[ editar artigo]

Ganhar o mundo: Faça parte deste programa!

Por Empreendedorismo Rosa

Fundação CSN promove Programa Ganhar o Mundo com seleção de 30 jovens mulheres. O programa ofertará PREP Course e curso de inglês online, além de possibilitar intensivo de inglês nos EUA e graduação em Barnard College, em Nova York

A Fundação CSN realiza o Ganhar o Mundo, um programa de bolsas de estudos, patrocinado pela CSN, em parceria com a Barnard College, em Nova York. Voltado exclusivamente a jovens mulheres, o programa tem como requisitos ter idade entre 15 e 18 anos (completos em 2016), estar cursando ou ter concluído o Ensino Médio, ter nível intermediário de inglês e inscrever-se no site www.ganharomundo.com.br até o dia 30 de dezembro de 2016.

Após processo seletivo, 30 jovens mulheres serão contempladas com curso preparatório para graduação no exterior, incluindo PREP Course, a cargo da Fundação Estudar, e curso de inglês online. Além disto, poderão concorrer a um curso intensivo de inglês nos EUA, vivência internacional (Pre-College Program) e bolsa de estudo para graduação em Barnard College, em Nova York.

O processo seletivo contará com teste de inglês online, prova de conteúdo e redação, upload de um vídeo de dois minutos com apresentação pessoal e defesa da candidatura no programa. O resultado da seleção será divulgado no dia 30 de janeiro de 2017. As 30 candidatas selecionadas participarão do processo formativo composto de curso preparatório para estudar no exterior (PREP Course) e curso de inglês online, ambos gratuitos.

Depois desta etapa, as candidatas estarão melhor preparadas para  encarar processos seletivos  de universidades no exterior, e poderão ainda concorrer a bolsas de até 100% para cursos no exterior: curso intensivo de inglês nos EUA, Pre-College Program e bolsa para graduação em Barnard College (NY).

Para a diretora de Recursos Humanos da CSN, Rosana Passos de Pádua, o programa Ganhar o Mundo vai além da formação acadêmica. “Por meio da vivência no exterior, as jovens mulheres terão a oportunidade de conhecer uma nova cultura, interagir com pessoas de países diversos e enriquecer suas experiências. Esse programa tem tudo a ver com o trabalho que é desenvolvido pela Fundação CSN que, ao longo dos anos, vem concedendo bolsas de estudos para jovens em suas escolas”, conclui.

 

Sobre a Fundação CSN

Há 55 anos, a Fundação CSN, braço de responsabilidade social da CSN, tem a educação como base norteadora de seus projetos sociais e atua nas áreas de cultura, esporte, meio ambiente e assistência social, em parceria com o poder público e privado, contribuindo para o desenvolvimento do país. Por meio de mecanismos de incentivos fiscais, desenvolve o Projeto Garoto Cidadão e outros projetos integrados, com o Centro Cultural Fundação CSN, em Volta Redonda (RJ). Também realiza o Histórias que Ficam, programa de consultoria, fomento e difusão do documentário brasileiro.

Para preparar jovens para o mercado de trabalho, promove um curso de capacitação profissional no Hotel-escola Bela Vista, em Volta Redonda. Possui ainda atuação destacada no Programa Jovem Aprendiz, com mais de 10 mil capacitados no programa. A Fundação tem como tradição a concessão de bolsas de estudos na ETPC, em Volta Redonda (RJ), e no CET, em Congonhas (MG) e, no ano de 2016, lança um programa de bolsas de estudos no exterior gratuito, o Ganhar o Mundo.

Sobre a CSN

Um dos mais eficientes complexos siderúrgicos integrados do mundo, a CSN atua com destaque em cinco setores: siderurgia, mineração, logística, cimento e energia. Atualmente, entre seus ativos, a empresa conta com uma usina siderúrgica integrada; cinco unidades industriais, sendo três delas no exterior; minas de minério de ferro, calcário, dolomita e estanho; uma forte distribuidora de aços planos; terminais portuários; participações em ferrovias; e participação em duas usinas hidrelétricas.

Fundada em abril de 1941, a CSN foi a primeira produtora integrada de aço plano no Brasil, um marco no processo de industrialização do país. Seu aço viabilizou a implantação das primeiras indústrias nacionais, núcleo do atual parque fabril brasileiro. Privatizada em 1993, a Companhia vem, desde então, modernizando-se e diversificando sua atuação. O grupo está presente em 18 Estados brasileiros e também atua em três outros países - Estados Unidos, Alemanha e Portugal. Suas ações estão listadas nas Bolsas de Valores de São Paulo (BM&FBovespa) e de Nova York (NYSE).

 

Mais informações:

Assessoria de Comunicação da Fundação CSN

Tel.: 11 5033-4659

lais.dias@csn.com.br

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler conteúdo completo
Indicados para você