[ editar artigo]

Empresas que se importam

Empresas que se importam

O empreendedorismo feminino está, na maioria das vezes, relacionado a necessidade e a falta de oportunidades para profissionais mulheres. Em períodos críticos, como o que estamos vivendo por conta da pandemia do Covid-19, esse quadro fica ainda mais frágil. E as ações dependem ainda mais de iniciativas de fomento e incentivo.
Como parte do projeto L'Oréal para o Futuro, a empresa de beleza francesa criou um fundo emergencial de 50 milhões de euros para apoiar organizações e instituições que trabalhem para que mulheres alcancem integração social e profissional no mundo inteiro. Por aqui, a diretora de sustentabilidade da L'Oréal Brasil, Maya Colombani, está reunindo todos os esforços possíveis para captar o máximo de recursos para aplicação local, em projetos para mulheres em situação de vulnerabilidade.
Segundo Maya, no Brasil esse trabalho é ainda mais importante por conta da configuração da sociedade: "A estrutura da família brasileira está na mulher. Quando você empodera uma mulher, você apoia uma família inteira. A gente acredita que investindo na mulher podemos gerar um impacto muito maior", pontua, em uma conversa por Zoom cheia de reflexões.

O time brasileiro começa a receber as propostas dos projetos a partir de hoje, sexta, dia 17 de julho, através do e-mail lorealparaofuturo@loreal.com, e serão avaliadas por um comitê.

No cenário atual, esse tipo de suporte é decisivo para sanar suas próprias consequências.

"Durante a pandemia, muitas mulheres perderam seus empregos ou precisaram fechar seus negócios. E em famílias monoparentais, como grande parte dos lares brasileiros, a situação é ainda mais dramática. Agravada ainda pelo quadro assustador de violência doméstica que, nessa fase, cresceu 50% no Rio de Janeiro, por exemplo", conclui Maya.

Em um comunicado oficial, Alexandra Palt, Diretora de Responsabilidade Corporativa do Grupo L'Oréal, complementa: “A crise do Covid-19 não poupa ninguém, mas também agrava as desigualdades existentes, com efeitos particularmente devastadores sobre as pessoas que já estavam lutando social ou economicamente ou são vítimas de abuso, especialmente mulheres. É essencial que tomemos medidas para apoiar as mulheres mais vulneráveis".
Além do fundo emergencial, a empresa mantém, de maneira permanente, outros importantes projetos em prol da profissionalização da mulher: Escreva Seu Futuro, de alfabetização de mulheres adultas, as escolas profissionalizantes (Projeto Maré de Beleza, na Comunidade da Maré, e Casa das Belezas, em Nova Iguaçu - ambos no Rio de Janeiro) e o Para Mulheres na Ciência que, em parceria com a Unesco e com a Academia Brasileira de Ciências, apoia projeto de pesquisadoras de áreas científicas.

FONTE: Marie Claire
 

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler conteúdo completo
Indicados para você