[ editar artigo]

Aprendizado online durante a pandemia do COVID-19 - 7 dicas sobre como se preparar para o ensino à distância

Aprendizado online durante a pandemia do COVID-19 - 7 dicas sobre como se preparar para o ensino à distância

Aprendizado online durante a pandemia do COVID-19 - 7 dicas sobre como se preparar para o ensino à distância

Acordei 8h da manhã na segunda-feira, fiz minha higiene pessoal, tomei meu café e iniciei meu trabalho de modo home office, realizando minha reunião do dia por Skype. Ao longo do dia, notei pequenas distrações: telefone fixo tocando, meu cachorro latindo, minha mãe me chamando, empregada limpando a casa ... Trabalhar em casa exige muita disciplina e organização. Não acho que minha experiência seja única. Imaginei situações semelhantes ocorrendo em escritórios virtuais e salas de aula em todo o mundo.

Após a designação pela Organização Mundial da Saúde do novo coronavírus como uma pandemia em 16 de março, as universidades do Brasil suspenderam as aulas na tentativa de retardar a propagação da doença. Escolas públicas encerram suas atividades ao longo da semana.

Todas, sim, todas as redes de ensino, sejam universidades ou escolas, particulares ou públicas, estão recorrendo a tecnologia para que alunos não sejam prejudicados e percam um ano inteiro. O ensino a distância que seria algo futuro, em apenas um dia, se tornou presente, urgente, para ontem!

A rápida mudança para plataformas online está atrapalhando os currículos, principalmente para professores menos equipados para navegar na Internet e as particularidades de gerenciar uma sala de aula mediada por uma tela e um microfone. Com isso, professores acabam tendo dificuldade de preparar uma aula, dificuldades técnicas acabam atrapalhando a rotina ou problemas com a conexão simplesmente geram atrasos no conteúdo.

Ensinar remotamente ainda é um conceito relativamente novo e leva tempo para se adaptar àqueles que nunca o fizeram antes. Mas em tempos de COVID-19, professores vão precisar aprender rápido essa nova modalidade de ensino. Pensando nisso, deixo aqui 7 dicas sobre como se preparar para o ensino online.

1. Planeje suas aulas

Seus alunos não estão fisicamente na sua frente. Na verdade, eles provavelmente nunca estarão online ao mesmo tempo. O planejamento é essencial para um ambiente de sala de aula online. Os alunos virtuais são diferentes - suas necessidades são diferentes das de seus colegas físicos. Certifique-se de ter seu plano de estudos e materiais claramente definidos antes do início da aula. Isso dará aos alunos a oportunidade de ver se sua sala de aula (prazos, materiais e outros requisitos) pode se encaixar na vida deles. A principal coisa é evitar surpresas a todo custo: teste surpresa, exercício surpresa, enfim.

2. Prepare e domine a tecnologia

Ensinar online requer uma certa finesse técnica. Não, o suporte técnico não está no final do corredor, mas você vai conseguir resolver! Em primeiro lugar, invista no hardware e software certos. Você precisa de um computador confiável, uma forte conexão à Internet e a melhor plataforma para atender às suas necessidades. Existem muitas opções por aí. A HeroSpark, por exemplo, é uma plataforma online que se adapta a educação. Conhecer sua plataforma o ajudará a tornar sua sala de aula virtual a melhor possível.

3. Configure um ambiente de trabalho adequado

Trabalhar remotamente (em geral) é o próximo desafio. Sem o ambiente perfeito e uma boa dose de autodisciplina, ficar em casa pode ser um pesadelo. Com um pouco de planejamento, isso pode ser evitado. Primeiro, configure um espaço de trabalho. Se possível, este espaço deve ser destinado apenas ao trabalho. Você deseja que este espaço seja amigável e convidativo, mas também incentive um comportamento produtivo no trabalho. Mantenha seu ambiente de trabalho livre de distrações, como televisão, outros membros da família ou tarefas domésticas. A iluminação natural e uma cadeira ergonômica podem ajudar bastante na configuração do seu ambiente de trabalho ideal.

4. Inovar e estimular discussões

As salas de aula online, como mencionado anteriormente, funcionam de maneira diferente das salas de aula tradicionais. Essas salas de aula têm o potencial de sentir frio mecânico. Iniciar e incentivar discussões pode ajudar bastante em termos de como seus alunos se sentem na sala de aula. Incentive a participação, como você faria na aula. Existem várias maneiras pelas quais você pode incentivar a participação nas discussões, postar palestras, atribuir material de leitura e monitorar o progresso. Você quer que seus alunos se envolvam semanalmente, em vez de apenas entregar tarefas. O envolvimento dos alunos (discussões planejadas e aprofundadas, por exemplo) faz com que seus alunos trabalhem com o material de maneiras que eles podem não fazer por conta própria. Isso leva seus alunos a tirar mais proveito de sua classe - mais do que apenas uma nota.

5. Comunique-se regularmente

Mantenha uma presença online consistente. A comunicação é essencial no ambiente de sala de aula online. Apresente-se e faça com que seus alunos também se apresentem - ajude a trazer humanidade e entusiasmo à sua sala de aula que as aulas online podem faltar facilmente. Verifique se seus alunos conhecem os melhores métodos e horários para entrar em contato com você. Não ter um professor fisicamente na frente deles pode deixar alguns alunos nervosos. Tente facilitar isso, respondendo às perguntas em tempo hábil e fornecendo muitas instruções e comentários.

6. Motive seus alunos

Todo mundo aprende de maneira diferente - e a motivação tem um papel importante no processo de aprendizagem. Enquanto alguns alunos se motivam para aprender que algo novo é toda a motivação de que precisam, alguns podem não ser. As tarefas que não são necessárias podem ser ignoradas pelos últimos alunos. Pense em maneiras de motivar todos os seus alunos a tirar o máximo proveito de sua classe. Isso pode incluir pontos extras para discussões online ou tarefas opcionais. Os prazos também podem ajudar a impulsionar seus alunos mais desmotivados. Seu objetivo é encontrar maneiras de ajudar seus alunos a tirar o máximo proveito de sua classe sem o benefício que uma presença física traz.

7. Peça ajuda e feedback

Seus alunos podem fornecer um feedback valioso que pode ajudar a levar sua classe adiante. Essa experiência pode ajudá-los a informá-lo sobre os pontos positivos e negativos da sua sala de aula online geral. Além de seus alunos, procure e conecte-se com outros educadores online. A educação é um campo de "compartilhamento" e, portanto, essas conexões podem ser inestimáveis ​​para o desenvolvimento do seu educador online.

No geral, a educação online é uma oportunidade maravilhosa. A flexibilidade potencial é um benefício inegável. É um mercado crescente para educadores - e, portanto, uma emocionante oportunidade de desenvolvimento de carreira. Você poderia ter o potencial de alcançar alunos que nunca, nunca poderia encontrar, em uma sala de aula física. Faça sua pesquisa, planeje seus métodos e dê o salto. O ensino online é relativamente novo; portanto, não existe uma maneira definida de fazê-lo. Com alguma pesquisa e preparação, você pode estar na vanguarda do movimento educacional online.

Empreendedorismo Rosa
Mery Lunelli
Mery Lunelli Seguir

Empreendedora, Mentora, Palestrante, Professora e Product Owner.

Ler conteúdo completo
Indicados para você